Programa de Apoio ao Empreendedorismo Criativo 2021 - _ARTERIA_LAB
18290
page-template-default,page,page-id-18290,tribe-no-js,ajax_fade,page_not_loaded,,side_area_uncovered_from_content,qode-theme-ver-16.8,qode-theme-bridge,qode_header_in_grid,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.4,vc_responsive

Programa de Apoio ao Empreendedorismo Criativo 2021

O Magallanes_ICC é um projeto co-financiado pelo programa Interreg Portugal-Espanha, com parceiros no Alentejo, Algarve e Andaluzia. O objetivo deste programa é apoiar os empreendedores culturais e criativos no desenvolvimento das suas ideias de negócio.

 

O Programa de Apoio ao Empreendedorismo Criativo é promovido e organizado pela Universidade de Évora, em parceria com a Direção Regional de Cultura do Alentejo, no âmbito do projeto Magallanes_ICC. Tem como objetivo captar ideias no setor cultural e criativo, com vista ao desenvolvimento de protótipos e provas de conceito que permitam aos empreendedores selecionados testar as suas propostas de produto ou serviço, contribuindo para o desenvolvimento dos respetivos planos de negócios. Consulta o regulamento aqui.

PERGUNTAS FREQUENTES

A leitura das respostas às perguntas frequentes não substitui a consulta ao regulamento.

Quem pode concorrer?

Podem candidatar-se ao Programa de Apoio ao Empreendedorismo Criativo:

– empreendedores com mais de 18 anos, a título individual

– equipas de empreendedores que não estejam formalmente constituídas, desde que os seus elementos tenham mais de 18 anos

– empresas ou associações com um máximo de 5 anos de existência e sede fiscal nas NUTS II Portuguesas do Alto Alentejo, Alentejo Central, Alentejo Litoral, Baixo Alentejo e Algarve e na NUTS II Espanhola da Andaluzia (nota: todas as atividades do programa decorrerão na região do Alentejo).

Todos os candidatos devem apresentar uma ideia original com potencial de negócio no setor cultural e criativo.

Que áreas criativas podem concorrer?

O programa está aberto a ideias de praticamente todos os setores culturais e criativos, nomeadamente:

  • Artes visuais
  • Património
  • Design
  • Arquitetura
  • Música
  • Artes performativas
  • Jogos/ softwares educativos
  • Literatura, livros e imprensa
  • Filme e vídeo
  • TV e rádio
  • Publicidade

Podem ainda concorrer projetos transdisciplinares que envolvam, pelo menos, uma destas áreas criativas.

Quais as fases do programa?

A primeira edição do Programa de apoio ao empreendedorismo criativo decorre entre fevereiro e novembro de 2021, em duas fases.

 

  • CAPACITAÇÃO

Semana imersiva de capacitação com workshops na área de negócios no setor cultural e criativo. Durante a semana, os empreendedores serão acompanhados por mentores na preparação da apresentação da sua ideia de negócio (pitch). No final da semana, os empreendedores terão de apresentar o pitch a um júri, que irá selecionar as ideias que passam à fase de desenvolvimento.

Destinatários: máximo de 20 projetos selecionados a partir da call online.

Datas: fevereiro de 2021

Duração: 1 semana/ 8 h por dia

Local: Universidade de Évora, Évora

Organização: UPTEC/UP, Universidade de Évora

Temas dos workshops: Cultura, Criatividade e Empresa na Era Digital | Estruturação do Modelo de Negócio e Pitch | Mercado de Trabalho e Propriedade Intelectual: Estratégias para os Novos Agentes Culturais | Comunicação em Público (Corpo e Voz) | Definição de Preço de Produtos e Serviços

 

  • DESENVOLVIMENTO

Os empreendedores serão acompanhados pela Universidade de Évora e pelos Núcleos Criativos Magallanes_ICC no desenvolvimento de protótipos e provas de conceito dos produtos/serviços e dos respetivos modelos de negócio. Os Núcleos Criativos são atribuídos a cada projeto em função da área criativa da ideia de negócio e da região geográfica dos participantes. Para mais informações sobre os Núcleos Criativos Magallanes_ICC, clica aqui (link para resumo dos Núcleos Criativos – a definir).

Destinatários: máximo de 10 projetos selecionados a partir dos pitchs na semana imersiva de capacitação.

Duração: entre março e novembro de 2021

Local: Núcleos Criativos Magallanes_ICC. A participação não implica permanência contínua dos participantes nos Núcleos Criativos. 

Qual o apoio dado aos projetos selecionados?

Durante a fase de desenvolvimento, a Universidade de Évora prestará o seguinte apoio:

  • mentoria continuada em desenvolvimento do modelo  de negócio
  • relação com investidores
  • criação de redes (clientes, fornecedores, parceiros de negócio) 
  • branding e marketing
  • questões jurídicas e contabilísticas
  • apoio à produção de protótipos no _ARTERIA_LAB e outras infraestruturas do Centro Magallanes, como o estúdio multimédia, estúdio de gravação de som e laboratório de música eletroacústica.

 

Os Núcleos Criativos poderão prestar os seguintes serviços, de acordo com um plano a definir em conjunto com os empreendedores:

  • acesso a infraestruturas de produção artística
  • espaço não permanente de trabalho
  • mentoria técnica e criativa
  • formações específicas

 

A UPTEC prestará os seguintes serviços durante o período máximo de 6 meses:

  • acesso a programas e atividades para o desenvolvimento de negócio;
  • acesso a redes internacionais;
  • acesso a benefícios da rede de entidades e empresas parceiras da UPTEC;
  • apoio de comunicação e assessoria de imprensa;
  • acesso ao Gabinete de Desenvolvimento de Produto;
  • acesso a salas de reunião e espaços partilhados;
  • integração no portefólio de empresas UPTEC.
Quem é responsável pelas deslocações e alojamento durante o programa?

As deslocações e alojamento são da responsabilidade dos participantes durante todo o programa. 

Quais os resultados esperados?

No final da fase de desenvolvimento, os participantes terão de apresentar protótipos e provas de conceitos dos produtos ou serviços e o respetivo modelo de negócios.

Como posso concorrer concorrer?

Podes apresentar a tua ideia até ao dia 8 de janeiro de 2021 através de formulário online.

Posso submeter mais do que uma ideia?

Sim, mas apenas uma ideia será selecionada para as fases de capacitação e desenvolvimento.